Nova norma para apoiar a elaboração e controlo de normas farmacêuticas

A Direção Nacional da Ordem dos Farmacêuticos (OF) homologou a Norma Geral de Elaboração e Controlo de Normas Farmacêuticas, da autoria do Conselho Nacional da Qualidade (CNQ), que estabelece o modo como devem ser elaboradas, aprovadas e revistas todas as Normas Farmacêuticas do Sistema de Gestão da Qualidade da OF.

Esta norma abre a possibilidade de os membros da Ordem proporem e desenvolverem Normas Farmacêuticas, em diferentes áreas profissionais e sobre aspetos específicos do exercício profissional farmacêutico, disponibilizando-se para o efeito um modelo editável para submissão à apreciação do CNQ.

Os objetivos centrais, segundo a OF, são: estabelecer regras para uniformização das Normas Farmacêuticas, facilitando a sua interpretação; diminuir o tempo que medeia a proposta de uma norma e a sua aprovação; permitir o fácil acesso ao acervo de normas da OF por parte de todos os sócios.

As Normas Farmacêuticas podem ser propostas por sócios individuais, por estruturas internas da própria OF, tais como, colégios, grupos de trabalho, conselhos consultivos ou qualquer entidade externa que integre o setor do medicamento ou esteja relacionada com as áreas profissionais tuteladas pela OF.

23-05-2018